Busca

Enviar para um amigo

Docência

Quando eu era estudante de Direito

 

Por tudo isso, é também fruto do que melhor pode se encontrar em cada pessoa.

 

Meus tios, Jorge Carone e Fuad Rachid, que eram advogados, me influenciaram na carreira de Direito. Suas histórias eram sempre contadas por meus pais, principalmente sobre sua passagem no Tribunal do Júri. Além disso, sou mineiro e sempre gostei de História e de Política, o que me levou ao curso de Direito, realizado na Faculdade de Direito da Universidade Federal Fluminense (UFF), em Niterói.

 

Creio que nunca mais terei a emoção que senti quando pisei pela primeira vez, em 1969, no belíssimo prédio daquela Faculdade, tendo ali chegado com o orgulho de ter sido classificado em 3º lugar no vestibular, mas com o receio – perdoem, receio não é a palavra mais precisa! –, medo do desconhecido, da incerteza do futuro, da angústia de ainda não saber se a escolha da carreira fora acertada.

 

É um prédio do estilo do Fórum romano, com suntuosas colunas, saguão e escada em mármore, bustos de juristas na entrada e no seu interior, dezenas de placas lembrando os nomes de professores e alunos, tudo feito de forma a encantar os calouros e a permanecer na memória dos veteranos e dos antigos alunos.

 

A biblioteca era pequena, com livros nem sempre atualizados, mas foi nela que passei muitas tardes e noites, pois me permitiu o acesso a livros que me indicavam o mundo bem mais amplo do que eu podia desconfiar que existia.

 

Ah! Os meus professores! Quanto mais passa o tempo, mais os admiro, maior a saudade e o carinho. De vez em quando, sinto-me até mesmo com culpa por não lembrar, com precisão, as suas palavras, mas deles sempre ficou o exemplo pela conduta, e até mesmo a feliz constatação de que não eram mitos, mas pessoas humanas.

 

Ao encontrar os meus colegas de bancos acadêmicos sempre contamos casos e mais casos sobre os professores, colegas e funcionários. Rimos o suficiente, quase sempre, para despistar as lágrimas da emoção, a saudade não só daqueles que não mais estão neste mundo, mas das lembranças de que desfrutamos sozinhos ou em grupos.

 

No saguão da Faculdade há uma imensa placa com o nome dos professores e colegas da minha turma, que ali foi disposta quando comemoramos trinta anos de formados.

 

Já me disseram que nem todos os colegas foram tão felizes como gostaria, alguns foram irremediavelmente derrotados na luta da vida, outros alcançaram o sucesso em outras atividades; poucos, são muito poucos aqueles das turmas iniciais que ainda são citados pelos que ainda continuam a lutar pelo Direito.

 

Perdoem o que poderiam chamar de egoísmo. Descobri que os sentimentos mais elevados, entre eles o amor, o carinho, a saudade, são individuais, únicos. Sou implacavelmente egoísta nas lembranças, nos sentimentos. São meus – não os partilho. Fazem parte da minha história pessoal.

 

Não vou citar nenhum nome de colega, pois todos, ao menos na minha memória, continuam vivos, alegres, jovens e entusiasmados. Nem vou citar o nome de professores e funcionários da Casa. Muitos ainda posso estreitar em comovido abraço quando os encontro nas ruas e nos Foruns, outros fui levar à última morada, tantos outros tomaram destino que nem mesmo consta nos frios registros administrativos.

 

Tive a honra de ser professor concursado da minha Faculdade. Lá ensinei durante quinze anos, sentindo o que sentiram os meus mestres, com aquele sentimento de continuidade que hoje me aflora quando encontro antigos alunos que são professores também.

 

Em 1991, fui designado pelo então Diretor, Professor Antonio Carlos Roboredo, para saudar, em nome da Faculdade, os professores que se aposentavam.

 

Escrevi o discurso que ainda se pode ver em www.nagib.net/discursos.

 

Lembrei, com emoção, os meus Professores Abeylard Pereira Gomes, Alexandre Demathey Camacho, Guilherme Haddad, Hamilton Xavier, João Debellian, Paulo Gomes da Silva Filho, René Frederico Alvez Trachez e Emilio Carmo.

 

Encerrei o texto transcrevendo o que o Professor Emilio Carmo disse no encerramento do discurso que fizera, em 1979, homenageando os Professores que então se retiravam pela aposentadoria:

 

A estes mestres a reverência desta Faculdade, o adeus àqueles que lhe deram nome, fama e projeção na vida nacional.

 

Podem estar certos Vossas Excelências de que o agradecimento por tudo o que fizeram, pelo sacrifício continuado e incansável, pelas horas indormidas em favor dos acadêmicos, pelas palestras, pelos debates, pelas aulas 'extras', fora das salas de aula, pelo amor dedicado à nossa causa, durante toda sua vida, esse amor entranhado e intocável que temos pela nossa Casa, pelo soerguimento do ensino brasileiro, pela esperança que espargiram nas mentes estudantis, pelo aprimoramento do ensino jurídico, pela fé na grandeza do Direito, pelas belas lições que ministraram e, sobretudo, pelo hino permanente que teceram à Justiça, à Justiça eterna, esse 'pão dos pobres', como dizia Chateaubriand, o nosso até logo e, envolto em nosso afeto, em nossa admiração, o nosso mais sincero, emotivo e eterno Muito obrigado.


Publicações

Discuros

Readmore..

Discuros

Nagib Slaibi Filho, Maria Cristina Barros Gutiérrez Slaibi, José França Conti, e M....

Revista Jurídica - Das Garantias Locatícias

Readmore..

Revista Jurídica - Das Garantias Locatícias

Nagib Slaibi Filho

Direito & Justiça Social

Readmore..

Direito & Justiça Social

Coordenador: Thiago Ferreira Cardoso Neves. Nagib Slaibi Filho é um dos colaboradores

 ....

Direito Fundamental à Tutela Cautelar

Readmore..

Direito Fundamental à Tutela Cautelar

Nagib Slaibi Filho

 

 

Estudos: Direito Público

Readmore..

Estudos: Direito Público

 

Homenagem ao Ministro Carlos Mário da Silva Velloso

 

 

Vocabulário Jurídico

Readmore..

Vocabulário Jurídico

Atualizado por Nagib Slaibi Filho

juntamente com Gláucia Carvalho

 

Vocabulário Jurídico

Readmore..

Vocabulário Jurídico

De Plácido e Silva 

Atualizadores: Nagib Slaibi Filho e Gláucia Carvalho

....

Vocabulário Jurídico Conciso

Readmore..

Vocabulário Jurídico Conciso

Atualizadores: Nagib Slaibi Filho e Gláucia Carvalho                 

Sentença Cível Fundamentos e técnica

Readmore..

Sentença Cível Fundamentos e técnica

Nagib Slaibi Filho e Romar Navarro de Sá

Comentários à Nova Lei do Inquilinato

Readmore..

Comentários à Nova Lei do Inquilinato

Nagib Slaibi Filho

Comentários à Lei do Inquilinato

Readmore..

Comentários à Lei do Inquilinato

Nagib Slaibi Filho e Romar Navarro de Sá

Direito Constitucional

Readmore..

Direito Constitucional

Nagib Slaibi Filho

Direito Constitucional

Readmore..

Direito Constitucional

Nagib Slaibi Filho

A Constituição e o Currículo das Escolas Judiciais – Ênfase na formação       humanística e nos estudos interdisciplinares

Readmore..

A Constituição e o Currículo das Escolas Judiciais – Ênfase na formação humanística e nos estudos interdisciplinares

Nagib Slaibi Filho

Comentários à Constituição Federal de 1988

Readmore..

Comentários à Constituição Federal de 1988

Coords.: Paulo Bonavides, Jorge Miranda e Walber de Moura Agra

Neoconstitucionalismo

Readmore..

Neoconstitucionalismo

Coords.: Regina Quaresma, Maria Lúcia de Paula Oliveira e Farlei Martins Riccio de Oliv....

A constituição consolidada críticas e desafios

Readmore..

A constituição consolidada críticas e desafios

Coordenador: Marcelo Alkmim 

Colaborador: Nagib Slaibi Filho

Dicionário Jurídico

Readmore..

Dicionário Jurídico

De Plácido e Silva 

Atualizadores: Nagib Slaibi Filho e Gláucia Carvalho 

Manual do Conciliador e do Juiz Leigo

Readmore..

Manual do Conciliador e do Juiz Leigo

 Luiz Cláudio Silva, Nagib Slaibi Filho e William Douglas

Responsabilidade Civil Estudos e Depoimentos no Centenário do Nascimento de José de Aguiar Dias (1096-2006)

Readmore..

Responsabilidade Civil Estudos e Depoimentos no Centenário do Nascimento de José de Aguiar Dias (1096-2006)

Coordenadores: Nagib Slaibi Filho e Sergio Couto

Comentários aos Verbetes Sumulares do TJRJ

Readmore..

Comentários aos Verbetes Sumulares do TJRJ

Coordenação: Des.Humberto de Mendonça Manes-Presidente da Comissão de Jurisprudênci....

Reforma da Justiça

Readmore..

Reforma da Justiça

Nagib Slaibi Filho 

Direito Constitucional Brasileiro

Readmore..

Direito Constitucional Brasileiro

Coordenadoras: Regina Quaresma e Maria Lúcia de Paula Oliveira

Revista Forense Comemorativa

Readmore..

Revista Forense Comemorativa

Comentários ao Código Civil Brasileiro

Readmore..

Comentários ao Código Civil Brasileiro

Nagib Slaibi Filho

Responsabilidade civil e o fato social no século xxi

Readmore..

Responsabilidade civil e o fato social no século xxi

Coordenadores: Antonio Couto, Nagib Slaibi Filho e Geraldo Magela Alves

Manual do Condôminio

Readmore..

Manual do Condôminio

Nagib Slaibi Filho

Ação Popular Mandatória

Readmore..

Ação Popular Mandatória

Nagib Slaibi Filho

Comentarios à Legislação Federal Aplicável às Pessoas Portadoras de Deficiência (Colaborador)

Readmore..

Comentarios à Legislação Federal Aplicável às Pessoas Portadoras de Deficiência (Colaborador)

Comentários ao Estatuto da Criança e do Adolescente

Readmore..

Comentários ao Estatuto da Criança e do Adolescente




HP LaserJet 4200 - an excellent compromise for you

Hewlett-Packards LaserJet 4200n is one of the more basic of the company"s monochrome laser printers for busy or medium-size offices. It has the same engine and print resolution as its siblings but with 16MB of additional memory over the 4200 base model and an internal print server. While it produces impressive print quality and mostly fast speeds, however, its mixed text/graphics printing is agonizingly slow. The design of its multilanguage user guide also makes even simple processes challenging to follow. Still, small departments or businesses on a budget will appreciate the 4200n fast and accurate text production. more..
HP Officejet 6500A | HP Deskjet 6980 | HP Photosmart C4680 | HP LaserJet 2300